jump to navigation

Lá… novembro 13, 2008

Posted by vladhomobono in Geral.
Tags: , , , ,
trackback

p1010039
Vejo a claridade da escuridão
Vejo o que não se vê
Não vejo o que se vê
Afloro o pensamento
Então fico satizfeito
E vou
P’ra voltar

Anúncios

Comentários»

1. Etevaldo [Rodrigo] - novembro 14, 2008

Poucos conseguem enchergar luz no escuro.
Poucos te esperança nessa vida.
Poucos vêem o que não se vê.
E tão poucos tem olhos voltados para a face da realidade.
Muitos ainda habitam o mundo das fantasias. Não é prejudicial esse mundo, qndo temos consciência do real do qual somos parte, somosinterligados. Ainda tem gente de olhos fechados.
O verbo “ver” não fica restrito somente as suas conjugações e significados. Ver também é ter conciência de tudo a nossa volta: do espaço, do universo, de nossa vida, de nossa morte, dos acontecimento e outros mais.
As pessoas que vem akilo que querem ver, são as mais faceis de serem levadas nas labias de um ser mal intencionado.
Mas ver tambem é perceber e admirar o belo de tudo e de todos. é nessa hora que não devemos pensar… somente abservar.
é nesse momento que vemos o belo onde não se vê e não o vemos onde se vê.
Continue assim, meu amigo!
seus poemas trazem cargas de reflexão e paz… alguns um pouco de melancolia… mas vamo que vamo!
abração pra vc!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: